Araxá

Prefeitura inaugura Casa Lar e Casa Abrigo

Postado em Março 21, 2019 por Araxá No Ar



Investimentos de grande alcance social, feitos para garantir direitos à crianças e adolescentes em situação de vulnerabilidade social.



 



A Casa Lar e a Casa Abrigo foram inauguradas nesta quarta-feira, 20. Uma noite de comemorações com a entrega, pela Administração Municipal, de dois importantes investimentos idealizados para atender as necessidades da população. O Prefeito Aracely de Paula, destacou que as obras são extremamente necessárias. “Nos novos prédios, as instituições poderão realmente desempenhar as suas funções de cuidar das nossas crianças e adolescentes, principalmente aqueles mais desassistidos, dando a eles um local onde possam se sentir como em suas próprias casas”.



 O evento contou com as presenças do Juiz de Direito Dr. Rodrigo da Fonseca Caríssimo, representando o Juiz da Infância e da Adolescência Dr. Renato Zupo; da Promotora da Infância e da Adolescência, Dra. Mara Lúcia Silva Dourado; da presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente, Cristiane Gonçalves Pereira; da vereadora Fernanda Castelha, representando o presidente da Câmara Municipal, Carlos Roberto Rosa; do Presidente da Fundação da Criança e do Adolescente, Coronel Edson Justino, de secretários, vereadores, convidados e imprensa.  A solenidade contou ainda com as apresentações dos alunos e professores da Escola Municipal de Música Maestro Elias Porfírio de Azevedo e do coral da Escola Municipal Alice Moura.



Nos discursos, os convidados ressaltaram a tristeza de ter que criar uma instituição para abrigar crianças e jovens em momentos tão difíceis por causa da falta de estrutura das famílias. Ao mesmo tempo ressaltaram o esforço da Administração e dos profissionais em dar, aos assistidos, amor, carinho, atenção e um espaço ambientado de forma a ser o mais próximo possível de um lar. A Casa Lar e a Casa Abrigo, passam a contar com sedes próprias, num espaço comum, para atender crianças e adolescentes de até 18 anos, em situação de vulnerabilidade social. Os espaços são integrados numa área de 9 mil m2, com quartos, refeitório, cozinha, espaço saúde e administrativo, estacionamento, equipamentos de lazer, educativo, espaço lúdico e acolhimento. O trabalho é realizado por profissionais qualificados e preparados, que a partir de agora, terão mais conforto e tranquilidade para oferecer o melhor de forma humanizada.




Fonte: Assessoria de Comunicação Araxá